Governador afirma que vai se afastar do cargo para acompanhar primeira-dama em tratamento

No entanto, Mendes ainda não definiu a data da licença e nem por quanto tempo ficará afastado do Palácio Paiaguás.

Mauro Mendes deve acompanhar a mulher Virginia Mendes — Foto: Caroline De Vita/Gcom-MT

O governador Mauro Mendes (União) afirmou, nesta quarta-feira (1º), que irá se afastar do cargo para acompanhar o tratamento de saúde da primeira-dama, Virgínia Mendes. No entanto, Mendes ainda não definiu a data da licença e nem por quanto tempo ficará afastado do Palácio Paiaguás.

“Eu vou me ausentar sim, vou tirar uma licença, durante um período, não defini ainda. Estou aguardando algumas definições para acompanhar o tratamento de saúde da minha esposa”, afirmou em coletiva de imprensa.

O governador afirmou que Virgínia, no momento, está em casa.

“Tivemos uma série de consultas, exames e o diagnóstico já foi fechado. Mas eu espero um pouco mais. Claro, vamos ter que falar sobre isso, mas peço a compreensão. Por alguns fatores ligados a ela e à saúde dela, precisamos aguardar um pouco mais”, declarou.

No mês passado, a primeira-dama foi internada em São Paulo, tratando de oscilações no nível de glicemia. O governador chegou a cancelar compromissos para acompanhar a mulher, na época.

Participe do nosso grupo no whatsapp e receba mais matérias como esta clicando aqui.

Transplantada

A primeira-dama recebeu a doação de um rim do marido Mauro Mendes em 28 de março de 2014. Ele era prefeito de Cuiabá e ela, a primeira-dama do município. Os dois se recuperaram bem da cirurgia.

Em fevereiro de 2021 a primeira-dama de Mato Grosso ficou internada em São Paulo para tratar de uma reinfecção da Covid-19.

Por g1 MT

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

%d blogueiros gostam disto: